A Ciência Oaieme – Coaching e Mentoring – Curso – O Desenvolvimento.

Aula XXXVIII– Os Protocolos do 4° Poder – XXIV

JB da Silva

Respeitar, valorizar e defender o nosso Folclore, nossas tradições, nossa História, nossa Cultura, nossos Heróis e aqueles que até a vida doaram para nos legar esta Nação.

****

A Cultura Geral Pátria constituída de suas partições que vão desde o Folclore ao Idioma, desde a sua História Ancestre a Contemporânea, é algo que é muito bem defendido pelos países do Primeiro Mundo.

No Brasil, essa atitude a partir da sociedade e das autoridades, se resume em esparsos atos que não conseguem sensibilizar o Povo, devido ao desinteresse da Mídia em propalar o assunto ou a ausência da presença da Administração Pública em apoio a tais eventos.

Reconhecemos que existe um trabalho realizado pelas emissoras de Tv ligadas ao governo, que objetiva divulgar e prestigiar o Folclore, as Tradições, os Costumes e até os Heróis Pátrios. Mais a Independência linguística da Nação não é discutida ou sequer mencionada.

Mediante isso, o Governo pode admitir que cumpre a sua parte porém, a audiência das emissoras a ele ligadas é muito baixa, pois o preconceito geral contra as transmissões televisivas e radiofônicas do Governo ainda não foram vencidas.

Sem um Idioma próprio, sem o zelo e o respeito as Tradições, aos Costumes, ao Folclore e a ênfase do culto cívico aos Heróis pátrios, o Povo Brasileiro é um Povo sem rosto.

Urge e é importante para fortalecimento da Cidadania, que haja um empenho de todos para a valorização e resguarda das Partições que compõem a a Cultura Geral da Nação.

Praza aos Céus que apesar de tudo, em várias regiões do País, comunidades, grupos e agremiações sociais continuam a prestigiar o Folclore, os Costumes, as Tradições e até os Heróis Pátrios.

Contribua e dê apoio aqueles que isso o fazem em detrimento da Cidadania. Use seu 4° Poder.

Bons estudos, bons proveitos, até a próxima aula e Inté.

Independência ou Sorte.

****