01. ANALISE DO TEMA

Por JB da Silva

Novamente se chama a atenção para a incrível propriedade da Ciência Oaieme de demonstrar que o Sujeito Abstrato mais Presente e Atuante no conteúdo do Resultado, nesse caso Deus se expressa com relevância.

02. QUADRATURA DO TEMA

deus e seis.

03. PALAVRAS ENCONTRADAS NA QUADRATURA

DE- DEU- DEUSES- DEI- DOU – DOSES -DOEU- DISSO- DISSE- DOSEI- DUO-DESSE- E- ÉS- EIS- USO- USEI -USE- SE- SEDES- SE- SEI- SÓ- SUE- SISO- O- OS- OUSE- OUSEI- ODES- IDE -IDEOU- ISSO-

****

OBS: Todas as palavras do texto serão encontradas dentro da quadratura e todas as palavras possíveis que podem se formadas com as letras da quadratura compõem o teor ou forma do texto ou Resultado.

****

04. RESULTADO

O Deus dos Deuses e dos Sóis ideou e disse:

– Se sois desse Deus de Deuses e dos Sois e Esse de Esses ide e ouse; use o SEIS, use sedes, use edis, sue, use seu Eu, se dê, dose seu Eu e os de Esses e dose o uso de doses e só sue odes.

Esse de Esses é de Eu duo e disse:

– Se o Deus dos deuses e dos Sóis deu o uso do SEIS E DO DOIS, o uso do Eu e de Sedes, o uso do SEIS, o uso do Eu e de Sedes é desse Esse de Esses. Eu ousei o Deus dos Deuses e dos Sóis, usei e uso, doso e dosei e dou o uso de doses e o Eu de Edis e o siso de Esses e se Esse se doeu, se dose o seu sesso.

E isso doeu no eu do Deus dos Deuses e dos Sóis e o Deus dos Deuses e dos Sóis disse:

– Eu suei e suo Odes de Edis e de Esses. E uso Odes de Edis e de Esses e doso o siso e o Eu de Esse de Esses e seu sesso.

****
Esse de Esses – governo
Esses – o cidadão, o povo
Odes de Edis – leis
Sesso – nádegas
****
A Ciência Oaieme e seus métodos não obedecem as normas da Nomenclatura Gramatical da Língua Portuguesa mais a do Idioma Brasileiro Livre.
****


COMENTÁRIO

Note-se o entrelaçamento de conteúdos entre o tema de DEUS E O SEIS e DEUS E O DOIS e quem vem lendo resultado por resultado percebe que os eventos estão efetivamente relacionados com os primórdios no Eden.
****
**** O olho que dizem que tudo vê, olha o Mundo e não me enxerga pois no Ontem não era, no Hoje não é e no Amanhã nunca será. No entanto Eu olho o Mundo e o olho que dizem que tudo vê: Eu o vejo e o enxergo pois no Ontem Eu era, no Hoje Eu sou e no Amanhã sempre serei porquê na Eternidade das Eternidades, Sou Um de D*E*U*S*.
**** Eu vim, vi e venci e nem “eles” me viram nem tu me viste.
**** Um abraço a todos, até o próximo artigo e Inté.
**** Independência ou Sorte. O Aedo do Sertão

**** Fim.