01. ANÁLISE DO TEMA:

Por J B da Silva

A Ciência Oaaieme e seus métodos analisam o tema Deus e o Levítico e nos demonstram os Eventos do Diluvio e do reinado de Noé, a sua traição comprometendo o destino de Tudo e de Todos no Planeta bem como seus Tratos e Contratos com Raça alienígena assim como de maneira direta compara as ações daquele passado remoto com as ações encetadas no momento presente pelas grandes Nações e ressalva as punições que poderão ser impostas aos recalcitrantes.

02. QUADRATURA DO TEMA

 d.levitico.

03. EXTRAÇÃO DE PALAVRAS DA QUADRATURA

DE- DEI- DEU- DEUS- DESCI- DELEITE- DELEITOU- DELE- DELITOS- EITO- DEITE- DESTE- DEVOTO- DEVOLUTO- DECLIVE- DOSE- DOCE- DOCIL- DECISIVO- DESVIO-DESVIE-DESCOLE – DEVES-DEU- DIREITO- DISTO- DITO – DILUVIO -DIVO- DIVISOU- DO- DOS- DOI- DOLO- DOTES – DOTE – DOU – DOUTO – DUO – E – ES – EU – ELE – ECOS-ESCOE- ESCOL- ESCUTO-ESCUDO- EDIL- EDIS- EITOS- ELEITO- ELITES- EDITOS -EDITEI-ELUÔ – ESTE – ESTIVE-ESTILO-ESTUDO-ESTUDE-ESTEIO-EVITE-ELEVE – ELEVO- EVITOU – EVITO – EVOS – USE-USO-USEI-UTIL-UTIS-UIVO-SE-SEDE-SECULOS-SEDE- SEDIOU-SEIO-SEIO-SELO-SELETO-SEVO-SEVOU-SEU-SILO-SILVO-SO-SOCIO-SOL-SOLDO-SOLIDO- SOLTE- SOVE- SOVO- SUE- SUITE- SUTIL- OCIO-OCO- ODIO- ORE- OUSE- OUVE – OUVIDO-OVO-LEDO-LEI-LEIS- LEITE- LEITOS- LOTES-LESTO – LEVITICO- LESO-LESOU-LEVE-LEVEDO-LICEUS-LEVOU – LIDE – LIDOU – LIVIDO -LOUCOS- LOUVE – LUTO- LUTE- VIU-VET- VESTIDO-VESTE-VICIOS – VIL – VIOLE – VISTO – VISTE – VISOU – VITELOS – VETOU – VETO – VOCE – VOLTE – VELE – VELUDO – IDOS – IDEOU -IDOLOS- ILUDE-ISOLE-TECE- TECIDOS- TEOR- TEORES- TEÇO- TECOS- TECOS-TESE-TE-TEU-TEDIO-TESE-TESOU-TISICO-TOLO – TUDO – TULE – CEDO – CEUS -CEDEU-CIO-CIOSO-CITOU-CITE-COESO-COLO-CUSTO- COITÉ – COUVE- COLETE-CUIDE-COE-CUSTEIO-CUIDO-COVIL-CIVEL-CIVIS-

****
OBS: Todas as palavras do texto serão encontradas dentro da quadratura e todas as palavras possíveis que podem se formadas com as letras da quadratura compõem o teor ou forma do texto ou Resultado.

****

04. RESULTADO

O DEUS dos Evos e Evos do Céus deu de tudo de seu e eu Seu Edil de Leis desci dos Céus e vi o Eleito de Deus e este Édito editei:

– “ Tudo de DEUS é dele”. Ide Lei de Deus e dê; leite, lotes, sede, douto estudo, odes, selo, eitos, éditos, coité, doces, couve, vitelos, e veste Ele de seleto colete de veludo e dote seu silo de tudo.

Idos e Idos o Eleito de DEUS lidou e se deleitou de tudo dos Eitos de DEUS e este Edil de Leis desceu dos Céus e o ví o Divo Eleito de DEUS e os Éditos de Deus, o Deus dos Evos e Evos dei e ele leu tudo e só evitou ler este.

– Use de tudo, cuide de tudo e lide e estude. Tudo isto é teu dote. DEUS só te vetou o uso de dose de levedo, o uso do Lúdico Estudo do Deus Tredo dos Vis e o vício do uso do cio vil.

O ouvido do Deus Tredo dos Vis é sutil, ele ouve e vê tudo e lesto ilude o Divo Eleito de DEUS:

– Se o DEUS dos Evos e Evos dos Céus te deu de tudo, tudo é teu e é teu dote. E o uso de dose de levedo e o uso do cio vil é o teu deleite. Se o DEUS dos Evos e Evos dos Céus te vetou o uso de dose de levedo e o uso do cio vil, o deleite é dele e o tédio é teu!

Escute este DEUS: ouse, se desvie e se descole do DEUS dos Evos e Evos dos Céus, eleve e vele este Deus, coe e escoe dose de levedo e use use o cio vil, se dê e dê seu Eu e este Deus te cede tudo!

O Divo Eleito de DEUS, de sede de deleites e sécio vestido de tule e veludo ouve o Deus Tredo dos Vis e se ilude.

– Eu sou o esteio dos Eitos do DEUS dos Evos e Evos dos Céus. Lido, luto, velo e cuido de tudo e o DEUS dos Evos e Evos dos Céus vetou e desviou deste Divo Eleito os deleites do uso de dose de levedo e o uso do cio vil. Se tu veio dos Evos dos Céus, tu és do Céu e te escuto. Ouve este Divo Eleito: Se tu cede os deleites do uso de dose de levedo e o uso do cio vil, te custeio e cuido de teus dotes; sede, selo, coité, dose de levedo, dose doce e teço veste de tule e veludo e te elevo o Deus dos Eitos deste Divo Eleito.

O DEUS dos Evos e Evos dos Céus ouve e vê tudo e viu os delitos do Divo Eleito e ditou Édito e Eu seu Edil de Leis editei isto:

– Ide Lei: Tese e viole os dotes do Divo Eleito e se os Eitos e Lotes é o covil do Deus Tredo dos Vis, sele o covil e se descole e se desvie o Divo Eleito dos deleites dos Evos e Evos dos Céus e ele, tísico, sue de sede de deleites e se isole só.

Idos e Idos os Eitos de DEUS dos Evos e Evos dos Céus se vestiu de DILÚVIO e lesou os eitos, lotes e dotes do Divo Eleito e ele se tesou só e seu Deus Tredo dos Vis se deu de leso,e de tédio se vestiu e se socou nos ocos e nos céus deste Divo Eito de Deus..

Isto é o Estudo dos Idos do teu Tio Divo Eleito.

Este é os IDOS do tédio, do desvio, dos delitos, do uso do estilo vil, de dores e do luto.

Estive e vi o Diluvio e o luto dos Idos do teu Tio Divo Eleito. Te cuide; vele e evite os Éditos do DEUS dos Evos e Evos dos Céus!

O DEUS dos Evos e Evos dos Céus te deu de tudo: eitos, lotes, leito, leite, leis de escol e cível, selo, estudo, liceus, odes, edis, coité de doce, vitelos, couve, tecidos de tule , vestido de veludo, o uso dos tecos – tecos e dos Céus. O Deus dos Evos e Evos ditou, Eu ouvi, editei e te dito:

-Ide Lei e dote o silo dele de tudo e ele lesto use de tudo.

Idos e Idos você lidou e se deleitou de tudo.

Desci dos Evos dos Céus e te vi o Divo Eleito de Deus dos Evos e Evos dos Céus e te disse:

– Use de tudo e cuide de tudo. Lide, estude e se deleite. Tudo isto é teu dote. O DEUS dos Evos e Evos dos Céus só te vetou o uso vil de dose de levedo, o uso do cio vil e o uso do Lúdico Estudo do Deus Tredo dos Vis.

O ouvido do Deus Tredo dos Vis é sutil, ele ouve e vê tudo e lesto te ilude e você de sede do uso do cio vil e de deleites se deu, deu seu Eu e velou os ídolos do Deus Tredo dos Vis e o elevou Deus dos teus eitos, lotes e Civis e só vi o uso vil de dose de levedo, o uso do cio vil, o uso louco de éditos, de estilo, de odes, de deleites, o uso louco dos tecos tecos e dos Céus, o uso do Lúdico Estudo do Deus Tredo dos Vis e os uivos e o luto de teus Civis.

O DEUS dos Evos e Evos dos Céus ouve e vê tudo. Viu os delitos teus e o luto de teus Civis e ditou Édito e Eu, Edil de Leis de DEUS, lesto de dito:

– Se és Divo Eleito e és só tese, te visite o tédio. Se lesou teus Civis, se velou ídolos e elevou o Deus Tredo dos Vis, se o uso vil de tudo te é deleite, o delito é teu. Se descole e se desvie de Você os deleites dos Evos e Evos dos Céus e se te é doce dote, ide Lei; tese e viole os teus dotes e sele o covil de seu Deus Tredo dos Vis e se isto te dói, é teu o vestido de luto e se lese os teus e só se evite o teu Civil teso, leso e o seio seco de leite..

Se divisou e visou os Eitos deste Céu, dos Eitos deste Céu te evito e te veto! Ouse e o vestido de luto é teu.

Se és Divo Eleito e os Éditos do DEUS dos Evos e Evos dos Céus te é leve tese, se vetou e evitou o Deus Tredo dos Vis e o desviou de teus Civis, és Odes, Sol e Escol dos Eitos de DEUS e te é doce dote: os Eitos, Lotes, teus Civis e os deleites dos Evos e Evos dos Céus.

Se és Civil dos “ Eitos do Sul”, o DEUS dos Evos e Evos dos Céus, te deu seleto dote: os “ Eitos do Sul” (BRASIL).

Lute, lide, estude, cuide e vele os “Eitos do Sul” e vete e evite o uso vil de dose de levedo, o uso do cio vil, o uso louco de éditos de dolo do Eu, do uso de estilo, do uso de odes, do uso dos tecos tecos e dos Céus, do uso de delitos e dos deleites, do o uso do Lúdico Estudo do Deus Tredo dos Vis e os deleites e o tudo dos “ Eitos do Sul” e dos Evos e Evos dos Céus te é doce dote.

Edus: Se Você é de DEUS, sue, use seu Eu, se eleve, se dê, vise os Céus, evite e se desvie dos éditos e leis do Deus Tredo dos Vis e os deleites dos Evos e Evos dos Céus te é doce dote e DEUS te é escudo e esteio.

Se Você se deu de Eluô e o Lúdico Estudo dos Vis te é deleite, se velou ídolos e se elevou no seio dos teus o do Deus Tredo dos Vis, os Céus e este Douto Estudo te sove o Eu.

Estude este Douto Estudo e ouse e sede Sol, Odes e Escol deste Divo Eito de DEUS, DEUS dos Evos e Evos dos Céus.

****
Lúdico Estudo – o Tarô
Deus Tredo dos Vis
Vícios do cio vil- inversões sexuais
Lesto- ágil, rápido
Sécio- afetado
Coité – prato ou tijela de casca de coco
Uso louco dos tecos tecos- emprego de aviões na guerra
Uso louco dos Céus – uso criminoso do espaço
Divo Eleito – rei, presidente
Eluô – bruxo, advinho
****
A Ciência Oaieme e seus métodos não obedecem as normas da Nomenclatura Gramatical da Língua Portuguesa mais a do Idioma Brasileiro Livre.
****
Muitas palavras que estão na relação, propositadamente não foram utilizadas. No entanto elas poderão se usadas, enriquecer o texto ou resultado final com novas informações. Este exercício é um desafio a sua competência.
****

05. COMENTARIO

Observe-se que a Ciência Oaieme neste resultado faz uma análise sucinta do comportamento e das responsabilidades de um Chefe de Estado a nível espiritual e material.

Neste resultado ela demonstra o que houve no passado e o que está a haver no presente e faz as devidas ponderações e alertas aos responsáveis pelas grandes potências e de uma maneira muito especial deixam claro que os planos divinos não estão alheios aos fatos.

O homem comum é chamado a responsabilidades, de uma forma muito clara, os mercadores da fé são questionados e o Povo Brasileiro é instado a cuidar efetivamente de sua HERANÇA DIVINA E DOTE, o BRASIL.

****

**** O olho que dizem que tudo vê, olha o Mundo e não me enxerga pois no Ontem não era, no Hoje não é e no Amanhã nunca será. No entanto Eu olho o Mundo e o olho que dizem que tudo vê: Eu o vejo e o enxergo pois no Ontem Eu era, no Hoje Eu sou e no Amanhã sempre serei porquê na Eternidade das Eternidades, Sou Um de D*E*U*S*.
**** Eu vim, vi e venci e nem “eles” me viram nem tu me viste.
**** Um abraço a todos, até o próximo artigo e Inté.
**** Independência ou Sorte. O Aedo do Sertão

**** Fim.